Metade do Congresso eleito é milionário

Os brasileiros elegeram 567 parlamentares neste domingo entre senadores e deputados federais e 48,85% deles declararam patrimônio superior a R$ 1 milhão.

A proporção de endinheirados é maior no Senado, onde 36 dos 54 eleitos informou ser milionário 66% ou dois em cada três.

A Câmara dos Deputados receberá 513 novos representantes a partir do próximo ano, dos quais 241 tem alto patrimônio: 47%.

Um dado curioso é que nas duas Casas os políticos mais ricos a serem eleitos se apresentaram ao eleitor como professores. Ambos são grandes empresários da educação.

O senador com maior patrimônio é o professor Oriovisto Guimarães (PODE-PR). Ele informou possuir R$ 239,7 milhões.

Como comparação, o patrimônio de todos os outros eleitos chega a R$ 252,8 milhões. A fortuna tem como origem o Grupo Positivo, que tem sede em Curitiba, e Oriovisto como um dos fundadores.